domingo, 5 de setembro de 2010

Precisava ouvir tua voz

No sábado aconteceu assim:
Um toque no celular e acabei retornando a ligação.
Alô, …
- Oi, tudo bem? Pensei que a raposa (me referindo ao jogo Cruzeiro e Flamengo da última quarta aqui na minha cidade) tinha comido a língua do urubu (tá gravado no celular a mensg. q vc enviou "vou ver mengão ganhar hj". Lembrando sou Corinthiana.
Do outro lado da linha a mesma voz, meio cansada e p/ falar a verdade desanimada. Mas logo vc entrou no clima da minha brincadeira e vou falando mal do Timão....rs..bom sinal vc estava de volta.
- Eu pensei (mas não falei): Achei que você nunca ia me ligar. É difícil admitir, mas eu precisava ouvir a tua voz.
Conversamos sobre várias coisas, com sempre....rs.
Vc me contou da sua pequena "perda de memória" - diz ter lembrando de mim "q vc parecia uma certa amiga maluca".
Hei, nunca perdi a memória, só faço coisas tipo cair perto do McDonald's, tropeçar na rua lotada (aí que vergonha), falar coisas sem nexo (as vezes eu penso alto...rs.), não conseguir aperta o botão da porta eletrônica do banco e entrar...rs...derrubar o copo de leite na mesa do café da manhã na empresa (ainda bem que não sujou ninguém, só o chão), não lembrar dos nomes das pessoas (mas cá entre nós, a pessoa tinha estudado comigo na sétima série não lembrava mesmo...rs.), trancar o chefe dentro da sala (detalhe ele estava na minha frente e eu não vi...rs..), chorar feito manteiga derretida, só essas coisas ...rs...coisas de Juliana.
Mas foi bom ouvir vc falar que lembrou de mim.
Eu tb....lembro de vc todos os dias.
Sinto falta das nossas conversar do horário do almoço.
Dos conselhos que vc me dava, dos puxões de orelhas, de ouvir vc falar de DEUS e de me ouvir falar do amor que sinto pelas coisas e das minhas lamúrias.
- Novamente pensei: me sinto bem ao seu "lado", mesmo que esse lado seja distante. Não sei tb explicar se este "bem", pode ser chamado de feliz, pois há algum tempo não sei o que é isso. Só sei que longe de você, um vazio me consome.
Foi uma conversa rápida, que p/ mim durou uma eternidade.
Talvez não falamos o suficiente...mas foi muito bom ouvir a sua voz.
E assim terminou a ligação:
Os créditos vão acabar....e logo ouvi a ligação cair.
O telefone voltou a ficar em silêncio....mudo como o meu coração.
P.S.: um turbilhão de sentimentos tem me artomentado e essa pessoa que escreve já não é a mesma de antes por várias questões....mas continuo sentindo falta do meu amigo.
Bjs no ♥ (*_*)
pegue a sua no TemplatesdaLua.com

2 comentários:

meusvinteepouco disse...

Olá,
você passou pelo meu blog e vim aqui te visitar.
Aquela ligação que eu fiz foi uma de várias e de uma história muito bonita.
Infelizmente ela acabou, mas ainda esta aqui mexendo com o meu coração, meu blog conta um pouco des´ta historia e por isso não tive coragem de apaga-lo.
Mas enfim, obrigada por deixar seu recado.
Um gde abraço
Nessa

Bruno Ribeiro disse...

Jú passando aqui para te deixar um Abraço Fica com Deus XD